[E3 2013] Resumo EA Games – Battlefield 4, FIFA 14 e Star Wars

EA Games E3 2013 Press Conference Quem acompanhou pelo menos duas conferências durante a E3 2013 já é capaz de afirmar que a da Eletronic Arts não foi a mais animada ou movimentada, mas isso não quer dizer que tenha sido ruim, muito pelo contrário, ela foi uma das melhores da empresa nos últimos anos com grandes projetos e anúncios para a nova geração de consoles mostrando uma mudança de rumos na estratégia interna, mesmo que ainda seja discreta. A vida não tem sido fácil para a EA que enfrenta uma forte crise e vê seus números despencarem, este ano houve uma reestruturação interna, isso gerou um reflexo positivo no mercado e que pode ser sentido na E3.

Primeiro o “café com leite”

Antes de falarmos das surpresas vamos ao que já era esperado, as franquias de sucesso da EA foram mostradas em todo o seu esplendor e se não foi nenhuma novidade a sua presença pelo menos os gameplays eram inéditos e não foram “reciclados” em outras conferências.

 

Battlefield 4

O jogo foi um dos últimos a ser apresentado na conferência e é uma das maiores apostas para este ano. Foi a primeira vez que tivemos contato com o modo multiplayer de Battlefield 4, a localidade escolhida foi Shanghai trazendo de volta a fação chinesa, algumas coisas facilmente notadas foram a melhora na física dos cenários, a destruição está ainda maior do que em Bad Comapny 2 e podemos derrubar prédios inteiros com os inimigos dentro. Alguns veículos novos também aparecem, assim como novas novas armas e acessórios, o modo comandante está de volta e é bem parecido com o que existe em Battlefield 2, os gráficos parecem melhores mas a versão apresentada é claramente uma em desenvolvimento, então ainda é cedo para julgar.

 

FIFA 14

Para quebrar a fama de “DLC anual” FIFA 14 finalmente traz novidades com uma nova engine, a Ignite que vai mover todos os jogos da EA Sports, mas apenas no PlayStation 4 e no Xbox One. FIFA 14 foi apenas um dos jogos de esportes apresentados pela EA como NBA Live mas para FIFA mesmo tivemos apenas alguns depoimentos de jogadores do Barcelona, um pouco sobre os novos recursos e alguns lances de Messi, por aqui sem novidades.

 

Need For Speed: Rivals

Você poderia até esperar apenas mais uma apresentação chata e entediante sobre o novo Need For Speed: Rivals, afinal ele é praticamente um jogo de esporte, todo ano tem versão nova, mas na verdade foi bem interessante. Inicialmente ele parece ser apenas uma mistura de tudo o que já foi visto nos jogos anteriores ou mesmo uma sequência de Hot Pursuit só que é algo bem maior. É a primeira vez em que falar sobre integração entre multiplayer e singleplayer tomou significado, enquanto você vaga por um mundo aberto pode participar de eventos como piloto ou policial e se deparar com jogadores do mundo todo que optaram pelo mesmo evento, de repente você se encontra em meio a uma frenética corrida com vários desconhecidos tentando te vencer ou te prender. A integração dos dispositivos móveis também está presente e parece que poderemos interferir nas disputas através deles.

 

UFC

A EA não apresentou somente FIFA 14 como representante de esporte, mas entre os que mais interessam o público brasileiro o único outro que chamou mais atenção foi UFC que tem se tornado uma febre (ou modinha, como preferir) nos últimos anos. Para mostrar seu novo trailer eles chamaram ao palco os lutadores Benson Henderson e Jon Jones e foi basicamente apenas uma apresentação legal, algumas palavras sobre o jogo e um trailer que trouxe um pouco do que o novo UFC promete para a nova geração.

 

O “inesperado”

Nós sempre esperamos que uma empresa que vai a E3 leve ao menos uma surpresa, um projeto secreto, uma novidade para o evento, mas infelizmente isso não é uma regra, exceto se você for uma publisher do tamanho da EA, dai você tem a obrigação de fazer isso e este ano eles não decepcionaram.

 

Garden Warfare

Quem é que não gosta de Plants Vs Zombies, se você não curte sua namorada deve adorar. O sucesso da Pop Cap já tem uma sequência em desenvolvimento e isso nós já sabíamos mas o novo Garden Warfare pegou todos de surpresa, duas vezes, quando bem no início da conferência da EA a expectativa era em torno de Battlefield 4, então quando surge o logo da Frostbite Engine 3, a trilha sonora característica de Battlefield e uma silhueta de uma soldado o pessoal vai a loucura, mas tudo fica mais confuso quando surgem plantas e zumbis em uma batalha campal extremamente divertida. Garden Warfare será um shooter em terceira pessoa e os personagens do jogo possuem habilidades bem parecidas com aquelas do jogo original, tem tudo para ser uma grande sucesso.

 

Battlefront

Quando os pontos foram ligados o público foi a loucura, DICE, lasers, era a EA fazendo uso dos direitos adquiridos para lançar jogos de Star Wars. O teaser não foi capaz de revelar nenhuma pista do trabalho mas com a DICE por trás do projeto nós podemos esperar um Battlefront com tudo o que merece.

 

Mirror’s Edge 2

A revelação final da conferência foi a tão esperada sequência de Mirror’s Edge com o retorno de Faith, mas nada de muitas informações, o que deve ocorrer nos próximos meses. O interessante foi que tudo aquilo que vimos de movimentação no vídeo era in game.

 

Conferência completa

Nós fizemos um bom resumo do que a EA tinha para falar em sua conferência mas caso você queira assistir ela inteira, ai está.

 

Conclusão

Ninguém sabia muito bem o que esperar da EA este ano, com as mudanças de comando internas a tendência era mudar alguma coisa, felizmente parece que finalmente a ordem foi restaurada por lá e as coias caminham bem, os novos jogos são um sinal, mesmo que bem distante, de uma EA que enxerga o que o público quer e não aquilo que é apenas mais lucrativo, pelo menos não tivemos nenhuma demonstração de um sistema de DRM super revolucionário. Do mais, não dava para esperar muita novidade, jogos de esporte são jogos de esporte e tudo o que se pode fazer a respeito é trazer novidades, inovações são cada vez menos inesperadas.

A avaliação é positiva, não foi a maior e mais memorável apresentação no palco da E3 de todos os tempos mas dentro da realidade vivida pela EA foi uma boa forma de mostrar para os jogadores e investidores que eles estão no rumo certo para a nova geração. Mas e você, o que achou da conferência da EA?

Por: Lock Gamer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s