[Gargalo]: Na GPU ou CPU? O que é, como identificar e solucionar

A palavra da moda é sem dúvida o gargalo, é gargalo de CPU, gargalo de GPU, gargalo de tudo quanto é jeito. Não existe um grupo, fórum, site ou canal onde se fala sobre hardware que não surja a famigerada pergunta: “vai dar gargalo?”. Mas a verdade é que o terror que a palavra gera só começou a surgir de tempos para cá quando as GPUs começaram a literalmente atropelar os CPUs, e mesmo assim, apenas algum tempo depois se começou a dar a real importância para isso. Mas você sabe o que é “gargalo”?

Para tentar ajudá-los nós selecionamos uma série de vídeos que mostra o que é, como identificar e até como amenizar o “gargalo” de CPU e GPU, alem de alguns exemplos de configurações onde o desempenho é prejudicado pela falta de performance de um dos componentes de hardware confira:

O que é e como identificar

Causas, soluções e testes em stock e overclock

Processador de entrada com placa “mid”

GTX 1080 com Core i7 4790K vs FX 8370

RX 480 referência com Core i7 5820K vs FX 8370

Conclusão, como montar um PC sem gargalo?

Com um pouco de estudo sobre o “fenômeno” é possível perceber que existem diversas variáveis para que ocorra um gargalo mas você precisa identificá-lo e buscar a melhor alternativa, que normalmente não é buscar a resposta pronta e sim pesquisar sobre a configuração que deseja comprar.

É importante notar que os grandes portais fazem comparações de CPU em aplicativos que fazem uso de todo seu potencial em tarefas das mais variadas, afinal o objetivo dele não é apenas rodar jogos. O problema é que os games possuem diferentes engines e trabalham com APIs variadas, o que pode ser melhor em um produto e pior em outro, mesmo que sejam ou não equivalentes, tanto GPU quanto CPU.

NVIDIA-GeForce-GTX-1080-Dual-SLIDiferente do que se imagina, o gargalo pode sim prejudicar a experiência de jogo causando quedas constantes de FPS (aquelas travadinhas). Além disso, não parece muito inteligente comprar uma GPU poderosa capaz de entregar uma alta taxa de FPS para simplesmente ser limitada por um CPU fraco, o que não significa que o processador seja ruim, apenas inadequado para aquela configuração.

RX 480 comparativo i7 vs FX gargalo gameplay onlineA palavra neste caso é equilíbrio. Se você não pode investir em um CPU que não limite sua GPU (ou vice-versa). Se pensa em investir em um GPU poderosa mas seu CPU não suporta, tenha em mente um upgrade a curto ou médio prazo ou o investimento não vale a pena e será mais vantajosos investir em uma placa que “case” com seu CPU, ofereça ganho de FPS em relação a sua atual placa de vídeo mas sem “atropelar” o processador, mas o principal é: pesquise!

Por: LockGamer / Info: PC Facts, Peperaio Hardware e Pichau

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s