[GUIA] Como transformar sua AMD RX 480 em RX 580

Caso você ainda esteja por fora, a AMD lançou sua nova geração de placas de vídeo Radeon RX 500, que para sermos honesto, é um “refresh” da séria anterios RX 400. As placas utilizam os mesmos chips com pequenos refinamentos que permitem voltagens e clocks mais altos.

Então, entenda que por mais que compartilhem exatamente as mesmas especificações das RX 400, as RX 500 apresentam esse tal “refinamento”, o que pode significar que seu chip RX 400 não tenha uma qualidade ASIC (Application Specific Integrated Circuits) suficiente para ter a mesma “eficiência” (clocks mais altos com baixa voltagem) que uma placa da geração RX 500.

 

Com características tão parecidas, não demorou nada para que algum entusiasta pensasse em fazer um Biosmod transferindo as configurações da RX 580 para a RX 480. A BIOS da Sapphires Limited Edition conseguiu ser “transplantada” com sucesso para a XFX RX 480 que agora consegue um clock de 1411 MHz na GPU, o que teve um custo extra de energia aumentando o consumo e, possivelmente, uma diminuição na vida útil da GPU.

Então se você ainda não entendeu, nós NÃO RECOMENDAMOS ESTE PROCEDIMENTO!!!

Mas, se você está disposto a correr o risco ou possui conhecimento suficiente, esta pode ser uma alternativa interessante para aumentar um pouco o desempenho de suas velha-nada-velha RX 480. O procedimento é menos conturbado em modelos com dual-BIOS, o que é bastante popular em modelos mais “tunados” das RX 480.


O arquivo de BIOS pode ser baixado diretamente nos fóruns do TechPowerUp aqui. Caso você queira se arriscar nessa maravilhosa (e um pouco louca) missão, pode encontrar aqui um guia do TPU sobre Flash BIOS em inglês.

Por: Lock Gamer / Info: TechPowerUp

Anúncios

Um comentário sobre “[GUIA] Como transformar sua AMD RX 480 em RX 580

  1. Interessante como pode ser modificado a BIOS para que a RX 480 vire uma RX 580. Ainda bem que há gênios interessados no bolso (próprio – e alheio, porque não?) e fazem de tudo para salvar seus investimentos, sem seguir “modismos requentados” pela indústria.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s