Veja como sua placa de vídeo roda Dying Ligth

Dying Light_roda_placa_de_vídeo_PC_requisitosA moda no momento são os “zumbis”, infectados, mortos-vivos ou seja lá como você queira chamá-los e Dying Ligth é mais um título que tenta encontrar espaços entre vários títulos com o mesmo tema, ele vêm com uma proposta um pouco parecida com Dead Island mas um pouco mais ampla onde a luz do dia é sua aliada na eliminação dos infectados enquanto a noite você se torna a caça.

O site Gamegpu.ru divulgou os testes com várias placas de vídeo e processadores, até a divulgação destes benchmakrs o jogo não possui suporte a CrossFire, apenas para SLI. Apesar de utilizar uma engine já desenvolvida a algum tempo pela Techland evoluindo desde 2003 o jogo é pouco otimizado e bem pesado para os padrões atuais. Os testes foram realizados em 1920×1080 (Full HD), 2560×1600 e 3840×2160 (4K), confira:

Mesmo para rodar em Full HD com a menor resolução testadas mas com detalhes “very high” é preciso uma placa de vídeo no mínimo entre GTX 760, R9 285 ou DH 7950 enquanto que para 4K o mínimo seria uma R9 290X ou uma GTX 780 Ti, o que é uma padrão bem alto para uma taxa de FPS apenas “aceitável” em ambas as situações.

Como fica claro as placas Nvidia possuem um desempenho geral melhor que as AMD, isso porque o jogo utiliza tecnologias da fabricante inclusas no Gameworks e é claramente otimizado para as Geforce.

benchmark_VRAM_Test_GPU_Dying_Light_teste_comparativo_uso_memória_video Se você é um daqueles que se pergunta onde é que a memória de vídeo faz a diferença Diyng Ligth da uma resposta direta, ele consome 3 GB de memória de sua placa de vídeo para executar o jogo no máximo em 1920×1080, então é aqui que uma memória extra pode fazer a diferença.

benchmark_Test_CPU_Dying_Light_teste_comparativoA falta de otimização do jogo fica mais evidente nos testes com processadores onde praticamente todos se saem mal levando em conta que um Core i3 vence modelos como o i7 3970X mas quem leva a pior são os da AMD que tem baixo desempenho geral. Com isso fica muito claro que Dyin Light não oferece suporte a múltiplos núcleos, uma velha prática de desenvolvedores quando lançam jogos para consoles como X360 e PS3, que é o caso.

E vocês, como estão rodando Dying Light por ai?

Por: Lock Gamer / Ingo: Gamegpu.ru

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s